Os adesivos kōrei untensha Maaku e suas utilidades no trânsito japonês


Se você mora no Japão, com certeza já deve ter notado a presença destes adesivos na parte traseira e dianteira de alguns carros. Esses adesivos se chamam kōrei untensha Maaku ((高齢者マーク) e servem para que os motoristas identifiquem os condutores novatos, idosos ou que tenham necessidades especiais.

Os adesivos, que na verdade são plaquinhas magnéticas, foram introduzidos em 1972 e são obrigatórios aos motoristas de qualquer tipo de veículo, inclusive motocicletas, carros grandes ou carros especiais, que se enquadram nas normas, pois caso contrário, estão sujeitos à multa e perda de pontos na habilitação.

Veja o significado de cada adesivo:


Shoshinsha Maaku ( 初心者マーク ) ou Wakaba Maaku ( 若葉マーク) (Novato ao volante)

A marca verde e amarelo em forma de V, simboliza a juventude. Wakaba significa "folha jovem" e serve para identificar motoristas com menos de um ano de experiência atrás do volante, inclusive motoristas estrangeiros que convertem suas licenças no Japão. É obrigatório exibir a plaquinha até completar 1 ano de habilitação.


Muitos estrangeiros, inclusive brasileiros, deixam de usar essa identificação, por vergonha, ou mesmo por desleixo. Porém, precisam ficar cientes de que esta omissão pode custar uma multa de ¥ 14.000 e menos 2 pontos na carteira (1 para cada adesivo). Os motoristas que se considerarem inexperientes, podem continuar usando a plaquinha, mesmo após o período de um ano.


Fukushi Maaku ou Koreisha Maaku (高齢者マーク) (Idoso ao volante)

A marca laranja e amarelo no formato de uma lágrima representa uma “folha de outono”. Foi introduzido em 1997, porém só se tornou obrigatório a partir de 2008 para motoristas acima de 75 anos, embora seja recomendada a partir dos 70 anos. Serve para identificar motoristas idosos, que no geral, possuem o hábito de dirigir bem abaixo do limite de velocidade.

As normas dizem que não se pode passar muito perto ou ultrapassar um veículo com essa marca, exceto para evitar um perigo ou risco. Portanto, terá que ser paciente com o velhinho dirigindo com o freio de mão puxado; caso contrário, poderá receber uma multa de ¥ 6.000 e 1 ponto a menos na sua licença.


O design da “Folha de outono seca e morta” foi alvo de muitas críticas e debates, já que era um lembrete aos idosos de que já estão perto do fim. Então, finalmente, no dia 1 de Fevereiro de 2011, um novo design foi escolhido para substitui-lo. Ele representa um trevo de quatro folhas nas cores verde escuro, verde claro, amarelo e laranja e um S branco no centro que significa “Senior”.


No Japão, o trevo é um símbolo de felicidade, o que passa uma imagem muito mais positiva. Desde então, a mudança da plaquinha antiga para a nova é opcional, ou seja, quem usa a antiga, só muda para a nova se assim desejar.


Shintai Mark (身体障害者マーク) ou Kuroba Mark (クローバーマーク) Deficiente físico no volante
A marca representando um trevo azul foi implantada em 2009 para designar motoristas com deficiência física no Japão. Porém, o símbolo internacional de uma cadeira de rodas é frequentemente usado, já que é facilmente reconhecido em qualquer lugar no mundo.


Esses adesivos fazem com que condutores com necessidades especiais, sejam reconhecido facilmente por outros condutores e esse cuidado e respeito com essas pessoas, faz toda a diferença na vida delas.


Tyoukaku Mark (聴覚障害者マーク) Deficientes auditivos no volante

A marca representando uma borboleta verde e amarelo foi implantada em 2009 para designar deficientes auditivos no Japão. Porém, o símbolo internacional de deficiência auditiva, caracterizada por uma orelha é comumente usado, por ser identificado facilmente por outros motoristas.


A ideia de relacionar a borboleta com a surdez, seria porque as duas palavras são homófonos, ou seja, possuem a pronuncia igual, embora o significado seja diferente. “Ouvir” em japonês é “Chyoukaku” e “borboleta” é “chyou”. Além disso, se reparar bem, as asas das borboletas se parecem com orelhas.


Créditos

Nenhum comentário

Encontrou algum erro na postagem acima? Comunique-nos deixando um comentário. A equipe do Porta E7 agradece.

Tecnologia do Blogger.