Beber café pode diminuir riscos de doenças cardíacas


Um simples hábito pode reduzir os riscos de ter uma doença cardíaca. Isso é o que dizem alguns pesquisadores da Coreia do Sul, que fizeram uma análise de 36 estudos, com mais de 25 mil pessoas saudáveis, sem qualquer sinal de doença cardíaca, com idade media de 41 anos. Todos fizeram exames para medir a quantidade de cálcio nas artérias coronárias, para avaliar estreitamento e endurecimento das artérias.

Analisando os resultados, os pesquisadores associaram a saúde arterial com o consumo de café. A pesquisa também levou em conta outros fatores como a prática de atividades físicas, consumo de álcool e cigarro, histórico de doenças cardíacas na família, índice de massa corporal e dieta.

Publicado na respeitada revista "Heart", os sul-coreanos descobriram que beber café faz muito bem para a saúde, porém na dosagem certa: de 3 a 5 xícaras por dia. O índice de cálcio nas artérias era menor entre os voluntários que consumiam 3 a 5 xícaras da bebida, levando vantagem sobre as pessoas que tomavam uma xícara ou menos diariamente. Já aqueles que consumiam mais de 5 xícaras no dia foram os que apareceram no grupo de maior risco.

A pesquisa ainda apontou que beber café com frequência pode diminuir os riscos de desenvolver diabetes do tipo 2. A bebida melhora a sensibilidade do corpo à insulina, estimulando sua produção e o controle da quantidade de açúcar no sangue.

Apesar dos resultados, os pesquisadores ressaltaram que ainda é necessário realizar mais estudos sobre o tema, para saber de fato os reais benefícios do café sobre o coração humano.

Victoria Taylor, membra da Fundação Britânica do Coração, disse a BBC que "precisamos tomar cuidado quando generalizamos os resultados, porque eles são baseados na população da Coreia do Sul, que tem hábitos e uma dieta diferente."

Nenhum comentário

Encontrou algum erro na postagem acima? Comunique-nos deixando um comentário. A equipe do Porta E7 agradece.

Tecnologia do Blogger.